Esporte NOTÍCIAS

sábado, 13 de junho de 2015

Não desgrudar do celular durante descanso pode ser considerado vício

Algumas pessoas não conseguem desgrudar dos aparelhos nem na hora de descansar. E alguns especialistas consideram que esse comportamento já virou vício.

Nesta quinta-feira (4), em São Paulo, fez um dia perfeito para aproveitar no parque. Mexendo no celular?

Na verdade, nós queríamos deixar o celular no carro, mas não consegue. Então vai andando e vai...”, assume Eliane Coates, gerente negócios internacionais.

Até uma criança consciente concorda que o celular tem suas utilidades. Mas quando a gente vê um casal caminhando junto, e os dois no celular sem se falar de verdade é estranho, não é não?

Homem: Estamos trocando foto, só.
Jornal Nacional: Com outras pessoas?
Homem: Não, com a gente mesmo!

Celular na mão de 68 milhões de pessoas

Ele atrapalha o passeio de quem tem que parar de andar de patins, de bicicleta para atender.

“Para ligar para o meu marido, que está aqui com a minha filha”, explica uma mulher.

Quem diria, hein?! De novo a lição vem de um filho consciente.

“Na verdade, acho que o parque é só para ficar longe disso mesmo.”, diz João Vítor, filho da mulher.

E você acredita que uns metros para frente, a equipe do Jornal Nacional encontrou o pai do João Vitor com a bicicleta em movimento, adivinha fazendo o quê?

Pai do João Vítor: Ela me ligou, eu fiquei preocupado de ser alguma coisa urgente e atendi o telefone.
Jornal Nacional: E andando na bicicleta?
Pai: Andando na bicicleta. Tá errado, tinha que parar.

Tratamento para voltar a vida real

Todos esses comportamentos mostrados na reportagem são tão comuns porque hoje no Brasil tem 68 milhões de pessoas com um celular na mão usando a internet. Quer dizer, a gente faz isso quando está em casa, quando vai comer alguma coisa em algum lugar. A gente faz isso quando está no trabalho, a gente faz isso demais, né!?

“Todo comportamento que você tende a repetir com uma certa intensidade, ele inevitavelmente vai produzir a liberação da dopamina, que é um neurotransmissor que ele produz a sensação de prazer, de euforia. Então, em um determinado momento, quando esse indivíduo começa a usar uma, duas, três, quatro, ele começa a ficar tão conectado que ele, do ponto de vista cerebral, começa a apresentar a necessidade de voltar a se conectar de novo para ter aquele prazer”, diz Cristiano Nabuco, psicólogo do HC.

Vira vício. E se você tem arrepios só de olhar para o símbolo de proibido o uso de celulares, pode tentar voltar para a vida real em um tratamento de choque.

“A meditação vai na raiz, ela vai limpar a ansiedade, e aí, sim, você vai ter uma percepção, uma visão melhor do que esse aparelho vai estar influenciando na sua vida. Então, a gente tendo uma visão mais clara, aí sim a qualidade de vida aumenta, e a gente consegue viver a vida plenamente.”, diz Flávia Miranda Batista, professora da meditação transcendental.

do Jornal Nacional

Nenhum comentário:

LÍDER Vídeos | CURIÚVA e SCPAVÃO

Loading...

AS 10 + TOCADAS na LÍDER FM

AS 10 + TOCADAS na LÍDER FM

TÓP LÍDER

01 - Simone e Simaria - Loka - Part - Anitta
02 - Gusttavo Lima - Homem de Família
03 - Henrique & Juliano - Vidinha de Balada
04 - Wesley Safadão - Ninguém é de Ferro - Part - Marília Mendonça
05 - Marilia Mendonca - Eu Sei De Cor
06 - Felipe Araújo - A Mala é Falsa - Part - Henrique & Juliano
07 - Roberto Carlos - Chegaste - Part - Jennifer Lopez
08 - Michel Teló - O Mar Parou
09 - Gustavo Mioto - Impressionando os Anjos
10 - Maiara e Maraisa - Você Faz Falta Aqui
11 - Matheus e Kauan - Te Assumi Pro Brasil
12 - Luan Santana - Acordando o Prédio

Atualizado em 24 de Março de 2017